Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Varejo ganha 8,1 mil novas lojas em 2018

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) informou que o Brasil ganhou 8,1 mil novas lojas de comércio varejista ao fim de 2018. De acordo com o órgão, esse cálculo leva em consideração a diferença entre as lojas que fecharam e as que abriram durante o ano passado.

Além disso, a Confederação informou também que esse é o primeiro saldo positivo depois de três anos em déficit, o que pode sinalizar uma certa retomada no crescimento econômico e na confiança no comércio local. Levando em consideração que entre 2015 e 2017 mais empresas fecharam do que abriram as portas, o setor informou que perdeu 223 mil estabelecimentos no período.

Nesse cenário, o segmento que registrou a maior abertura de lojas foi o de hiper e supermercados, computando 4.510 novos estabelecimentos, acompanhado pelas utilidades domésticas e eletroeletrônicos (1.747) e pelas drogarias, farmácias e lojas de cosméticos (1.439). Os únicos segmentos com saldo negativo foram móveis e eletrodomésticos (-176) e material de construção (-926).

Para o economista-chefe da CNC, Fabio Bentes, os principais fatores que contribuíram para esta situação foram a inflação abaixo da meta, a redução dos juros ao consumidor, a reação do mercado de trabalho e a disponibilização de recursos como os saques nas contas do PIS/Pasep.

(Equipe do site)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *