Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Trabalho informal bate recorde

A informalidade no mercado de trabalho chegou a 11,8 milhões de pessoas sem carteira assinada, que representa um crescimento de 2,9%, ou seja, 338 mil pessoas. As informações foram divulgadas nesta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e levam em consideração o trimestre encerrado em junho.

Além disso, os trabalhadores por conta própria atingiram 24,4 milhões de pessoas, alta de 1,2%, ou 293 mil pessoas e ambas as marcas são novos recordes na série histórica, segundo o IBGE. O número de informais considera empregados do setor privado e trabalhadores domésticos sem carteira assinada, trabalhadores por conta própria e empregadores sem CNPJ e trabalhadores familiares auxiliares.

“Temos mais pessoas trabalhando nesse trimestre, mas a questão é a qualidade dessa forma de inserção informal”, disse a analista da pesquisa, Adriana Beringuy. Por conta da informalidade, a população ocupada registrou um recorde na série histórica que teve início em 2012: 93,8 milhões de pessoas.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *