Insira sua pesquisa e pressione ENTER

A TELEFONIA FIXA PERDEU 1.208.833 DE ASSINANTES EM 12 MESES

Dados divulgados na sexta-feira (27.04) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) apontaram que a telefonia fixa tem diminuído drasticamente no território nacional, perdendo 1.208.833 ao longo dos últimos 12 meses. A pesquisa indicou que o Brasil tinha apenas 40.459.554 de telefones fixos ativos em março de 2018, o que indica uma diminuição de 94.503 assinaturas em relação fevereiro. 

Existe no País um total de 17.138.921 telefones fixos registrados por operadoras autorizadas e 23.320.633 pelas próprias concessionárias, sendo que a primeira perdeu 20.586 assinantes e a segunda 1.188.247 nos últimos 12 meses. Em comparação com fevereiro, no entanto, as operadoras autorizadas tiveram um pequeno aumento de 22.738 unidades, enquanto as concessionárias perderam 117.241 linhas. 

De acordo com a Anatel, São Paulo foi o estado brasileiro onde ocorreu a maior redução em um ano, com uma queda de 2,61%, ou seja, 412 mil linhas a menos, seguido pelo Rio de Janeiro, com uma perda de 6,46%, o que significa menos 330,9 mil linhas, e Minas Gerais, com menos 109,3 mil e um recuo de 2,74%. Apenas Santa Catarina, Paraná e Acre tiveram um crescimento das linhas fixas, com acréscimo de 1,22%, 0,27% e 0,24%, respectivamente. 

A operadora autorizada Claro continua na frente entre as prestadoras de serviço fixo no mês de março, abrangendo 63,12% do mercado. Já em relação as concessionárias, a Oi é a líder, com 56,03% do mercado e 13.065.965 de linhas fixas ativas. 

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *