Insira sua pesquisa e pressione ENTER

RS perde 500 empregos em um dia

O estado do Rio Grande do Sul acabou registrando o fechamento de 500 vagas de empregos formais em um único dia, com a saída de algumas fábricas do estado, como a Deca, marca da Duratex, em São Leopoldo e a Nestlé, em Palmeiras das Missões. Sendo assim, o prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi, afirmou que a estagnação da economia foi fator fundamental para esse fechamento.

“O gerente me disse que a Deca se preparou para um país que não veio. Esperavam um PIB de 3,2%, aguardavam que o novo governo retomaria o crescimento. Mas isso não aconteceu e a crise é profunda. Além disso, o frete está caro por causa do preço dos combustíveis e a caldeira depende de um óleo que teve aumento”, comenta.

Além do prefeito, o presidente do SinvidrosRS, Rafael Ribeiro, também lamentou a situação. “As dificuldades são as do estado, em razão de políticas do passado incorretas, é pouco competitivo. A maior demanda da Deca vem da construção civil, onde se teve uma redução entre 30% e 40% desde o início da crise. Ainda existe estoque de imóveis prontos e não temos percebidos lançamentos novos”, completa.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *