Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Ransomware vira ameaça maior para PMEs

Os ataques de ransomware estão se tornando uma ameaça ainda pior para as pequenas e médias empresas (PMEs), podendo levá-las até à falência, segundo afirmou Audreyn Justus, que é Presidente da Solo Network. De acordo com ele, uma pesquisa da Kaspersky indicou que só no primeiro trimestre de 2020 houve um aumento de 350% nos ataques de Ransomware no país.

“O impacto financeiro desses ataques pode levar principalmente as PMEs a falência, já que estas acabam com seus computadores e dados bloqueados e a operação da empresa fica completamente paralisada. Vi também dados que mostram que os gastos com incidentes de segurança aumentaram de US$ 1,23 milhão para US$ 1,41 milhão no último ano, muito pouco diante da escalada do problema”, disse ele, em um texto que foi publicado no portal especializado itforum365.com.br.

Além disso, é importante notar, segundo ele, que as empresas brasileiras investem muito pouco em políticas de cibersegurança. “Com a necessidade da implantação do Home Office, muitas empresas tiveram que adotar soluções rápidas como plataformas de colaboração, que sem as configurações de compartilhamento adequadas podem causar vazamentos de dados. Funcionários sem treinamento e computadores sem proteção são o cenário perfeito para os criminosos”, completa.

“Tragédias costumam causar grande desorientação dentro das empresas, mas é importante neste momento seguir um plano pré-estabelecido com calma e disciplina para garantir a sobrevivência e a prosperidade do negócio nos próximos anos”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *