Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Porto Alegre proíbe atividade de Flanelinhas

Estarão os Flanelinhas, conhecidos por cobrar pelo estacionamento em vias públicas, com os dias contados em Porto Alegre?

Nesta segunda-feira a Câmara de Vereadores da capital do Rio Grande do Sul aprovou, por 19 votos contra 14,  projeto da prefeitura que veta a atividade.

“Há achaques, danos a veículos, extorsões, estelionatos, decorrentes da atividade de flanelinhas”, disse o vereador Rafão Oliveira (PTB), policial civil que ocupa o cargo de Secretário Municipal de Segurança. “Achacar o cidadão não condiz com as boas práticas que queremos na nossa cidade”, afirma. “Há muitos foragidos da Justiça neste meio. Isso não é profissão. Chega de achaque!”

Ele garante que a proposta surgiu de uma comissão composta por autoridades ligadas às polícias civil, militar, rodoviária, etc, todos especializados em segurança pública.

A atuação destes “guardadores de carros”, como também são chamados os Flanelinhas, vem sendo tolerada há décadas. Segundo a justificativa do projeto aprovado, têm crescido os relatos de motoristas que são constrangidos, coagidos e ameaçados pelos guardadores.

Agora, solicitar pagamento para “cuidar” do carro, prevê multa no valor de R$ 300,00.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *