Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Marcelo Matias, presidente do SIMERS, será Cidadão de Porto Alegre

A Câmara Municipal de Porto Alegre realiza sessão solene de outorga do Título de Cidadão da cidade ao presidente do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers), Marcelo Matias,  nesta terça-feira, às 17h, no Plenário Ana Terra. A homenagem foi proposta pela vereadora Nádia Gerhard e aprovada por unanimidade.

Em sua justificativa ao Projeto de Lei do Legislativo (PLL 294/21), a parlamentar destacou a relação do Dr. Marcelo Matias com a Capital dos gaúchos, onde desde cedo iniciou seus estudos e sua formação como cidadão e profissional. “O Dr. Matias tem pautado o seu trabalho na melhoria do atendimento à saúde da população gaúcha e porto-alegrense, através de medidas e no debate na busca de soluções para o enfrentamento da grave pandemia do Coronavírus (COVID-19)”, enfatizou.

Marcelo Marsillac Matias, nasceu no Rio de Janeiro em 1967. Estudou no Colégio Farroupilha e formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) em 1992. Entre os anos de 1993 e 1995, fez sua residência médica no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Marcelo Matias atua desde 1995 como preceptor de ginecologia e obstetrícia no Hospital Municipal Materno Infantil Presidente Vargas.

Já em 2011, ingressou como médico contratado no Hospital Universitário de Canoas e, em 2013, como preceptor na Faculdade de Medicina da Universidade Luterana do Brasil. Desde 2019, é professor da mesma faculdade, tendo sido homenageado por diversas turmas do curso de medicina. Sua atuação médica, dentro de sua especialidade de ginecologista-obstetra, tem sido principalmente em planejamento familiar, dor pré-crônica e cirurgia minimamente invasiva.

Sua destacada atuação em favor da defesa da saúde da população, através de sua categoria profissional, fez com que Marcelo Matias fosse diretor de 2004 a 2015 e conselheiro de 2016 a 2018 do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS).

Atualmente, é o presidente do mesmo sindicato médico, gestão 2019-2021.

(fonte: Simers)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *