Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Maioria dos novos empregos pagam até 2 salários mínimos

A maioria das novas vagas de empregos criadas no País pagam até dois salários mínimos, segundo informou uma pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Segundo o relatório, apenas as duas primeiras faixas salariais possuem saldos positivos, ou seja, o número de contratações supera o de demissões. 

“Para todos os demais níveis salariais acima, a dispensa de trabalhadores é maior que o total de admissões”, diz o relatório do Ipea. “Em 2015 e 2016, com a crise batendo mais forte, não conseguíamos remunerar nem dois salários mínimos. Em 2019, mesmo começando a se recuperar, em 2010 e 2013 a diferença entre um e dois salários mínimos era muito maior”, explicou Maria Andreia Parente, técnica de planejamento do Ipea. 

Além disso, a partir do segundo semestre de 2018, a geração de novos postos de trabalho com carteira assinada no Brasil apresentou maior dinamismo. “Junto a esse bom resultado, as estatísticas também mostram, na margem, uma recuperação dos salários médios de contratação, embora estes, historicamente, mantenham-se abaixo dos salários de demissão”, completa. 

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *