Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Investimento em corporate venturing dobrou em 2018

Uma pesquisa realizada no final do ano passado pela 500 Startups indicou que o investimento global em corporate venturing dobrou em 2018, quando comparado com 2019. No entanto, segundo o fundo norte-americano, o mercado brasileiro ainda está processo de amadurecimento.

“As empresas brasileiras precisam pensar em uma estratégia integrada de inovação. Assim, decidirão se farão investimento, aquisição ou parceria. O investimento em inovação ainda é muito incipiente no Brasil e as empresas não sabem muito o que fazer. Por isso, o CVC não é tão amadurecido”, explicou Bedy Yang, sócia da 500 Startups.

Ela explica que os investidores com objetivos financeiros atuam com mais frequência em tecnologia e serviços financeiros. “O capital de risco corporativo não é bem visto hoje em dia pelos empreendedores. A maioria quer fundos de investimento do Vale do Silício. Por isso, os fundos de CVC têm que definir como vão se diferenciar e como vão ajudar os empreendedores, e isso exige uma estratégia bem definida”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *