Insira sua pesquisa e pressione ENTER

ESTADOS UNIDOS AVISAM: NÃO DEIXARÃO A VENEZUELA

O Secretário de Estado norte-americano Mike Pompeo mandou um recado para o ditador Nicolás Maduro: a representação diplomática dos Estados Unidos não sairá do país. A declaração foi dada tão logo Maduro determinou o prazo de 72 horas para os diplomatas deixarem a Venezuela.

Em um comunicado Pompeo disse que os EUA não reconhecem a legitimidade de Maduro e que o presidente legítimo é Juan Guaidó. “Os Estados Unidos não reconhecem o regime de Maduro como o governo da Venezuela”, alertou. “Assim, os Estados Unidos não consideram o ex-presidente Nicolás Maduro como tendo autoridade legal para romper relações diplomáticas com os Estados Unidos ou para declarar nossos diplomatas persona non grata”.

Ontem os EUA reconheceram o presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, como legítimo presidente. Foram seguidos por Brasil,
Paraguai, Colômbia, Peru, Equador, Costa Rica, Chile, Argentina, Guatemala e Canadá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *