Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Droga japonesa pode ser a esperança contra o coronavírus

O Avigan, um antiviral potente usado contra a gripe e licenciado no Japão em 2014, parece estar surtindo grande efeito positivo no tratamento de pacientes afetados e com a saúde debilitada pelo coronavírus.

Também conhecido como Favipiravir, é um medicamento fabricado por uma subsidiária da Fujifilm, a Toyama Chemical.

A empresa é mais conhecida por suas câmeras mas também atua na área da saúde.

A informação do sucesso do medicamento foi dada por Zhang Xinmin, funcionário do Ministério de Ciência e Tecnologia da China, em entrevista coletiva nesta terça-feira.

Segundo ele, o Favipiravir tem sido eficaz, sem efeitos colaterais, na recuperação de novos pacientes com coronavírus, inclusive na cura da pneumonia por ele causada.

O genérico já obteve a licença para ser fabricado na China.

Conforme o membro do governo, o ensaio clínico foi realizado em hospitais de Wuhan e Shenzhen, com a participação de 200 pacientes. Os resultados dos testes para aqueles que receberam o medicamento foram positivos e eles negativaram o vírus no organismo em um período mais curto, além de melhora na pneumonia mais rapidamente.

Por conta da informação, que correu como rastilho de pólvora, as ações da empresa não foram sequer negociadas na abertura dos mercados na Ásia nesta quarta-feira.

(Entre outras fontes, consultamos o Nikkei Asian Review e a Reuters para esta reportagem)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *