Insira sua pesquisa e pressione ENTER

CFOs também são responsáveis pela segurança da empresa

O papel dos diretores financeiros e dos Chief Financial Officer (CFO) pode ir além dos cálculos e das estimativas, se direcionando também para a segurança da empresa. Foi isso que informou Carlos Rodrigues, que é vice-presidente da Varonis para América Latina, em um artigo publicado no portal itforum365.com.br. 

“Como são responsáveis pelas finanças da empesa, controlam metas e orçamentos, consequentemente, em caso de vazamentos ou brechas de segurança, os custos cairão sobre seus colos. Apesar da responsabilidade pela segurança cibernética ser do  Chief Information Security Officer (CISO) e de outros especialistas responsáveis pela estratégia de defesa, é extremamente importante que o CFO entenda que novas prioridades afetam diretamente os negócios e o faturamento da empresa e que ele também é responsável por identificar áreas que precisam de alcançar excelência operacional relacionada a segurança da informação”, escreveu. 

Além disso, esse profissional precisa lidar também com o possível impacto financeiro e de desempenho que uma violação pode causar e estar atento às novas normas regulatórias que podem se sobrepor aos processos de conformidade financeira. “É preciso entender que as áreas de TI e financeira compartilham de metas correlatas à proteção de dados e que cada decisão de investimento em segurança deve ser tomada em conjunto pelas áreas para garantir os recursos sejam alocados corretamente e para garantir a redução de riscos com possíveis falhas de segurança”, conclui. 

(Equipe do site)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *