Insira sua pesquisa e pressione ENTER

CÁRMEN LÚCIA ARQUIVA INQUÉRITO SOBRE A LAVA JATO QUE ENVOLVE MINISTROS DO STF

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, arquivou um inquérito sobre áudios da operação Lava Jato que citavam ministros do STF. O relatório foi divulgado na sessão da última quinta-feira (21.06) e apontou falta de provas contra os magistrados. 

A questão foi aberta no ano passado, a pedido da própria Cármen Lúcia, depois que a gravação de uma conversa entre o dono da JBS, Joesley Batista, e o executivo Ricardo Saud citando alguns magistrados foi divulgada. Na época, o então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, disse que haviam indícios de irregularidades envolvendo os ministros.”Áudios com conteúdo gravíssimo foram obtidos na quinta-feira [31.08.2017]. A análise de tal gravação revelou diálogo entre dois colaboradores com referências indevidas à PGR e ao Supremo”, pontuou Janot. 

No entanto, a Presidente do STF afirma que nada foi provado e que os Brasileiros devem continuar confiando na honestidade do tribunal. Uma cópia do relatório assinada pelo diretor-geral da PF, Rogério Galloro também foi apresentada à corte. “Não foram encontradas gravações que indicassem qualquer participação de ministros do Supremo Tribunal Federal envolvidos ou citados em qualquer ato ilícito”, finaliza Cármen. 

(Equipe do Site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *