Insira sua pesquisa e pressione ENTER

Brasil avança em 60% dos critérios para entrar na OCDE, diz secretário

O secretário-geral adjunto da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) afirmou que o Brasil avançou em 82 dos 253 requisitos exigidos para a adesão ao organismo, o que representa uma taxa de 60%. O secretário adjunto da OCDE evitou fazer comentários sobre o lado político da adesão do Brasil ao organismo multilateral. 

“Isso representa cerca de 60% do esforço. Isso é realmente muito bom”, afirmou Schuknecht, após participar do encerramento de um simpósio promovido pela OCDE em parceria com a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), no Rio. “Países mal preparados levaram muitos anos”, afirmou Schuknecht, sem citar nomes e frisando que, mesmo adiantado, o processo de entrada do Brasil ainda deverá levar “anos”, no plural. 

Ele afirmou ainda que o avanço nas regras sobre fluxo de capitais é “importante”, porque o Brasil tem um histórico de controle excessivo.  


(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *