Insira sua pesquisa e pressione ENTER

4,4 MILHÕES DE DONOS DE IPHONE PROCESSAM GOOGLE

4,4 milhões de donos de iPhone do Reino Unido entraram com uma ação indenizatória coletiva contra a Google neste ano. Os usuários da Apple acusam a empresa de violar o comando de não rastreamento do navegador Safari. 

Os advogados das vítimas alegam que a Google teria usado uma brecha existente no navegador Safari para continuar monitorando os usuários e vigiando tudo o que eles faziam na web. De acordo com o que foi informado ao jornal The Guardian, as informações coletadas são relacionadas com dados de localização, hábitos de compras, finanças, classe social, sexualidade, tendências políticas, raça e saúde física e mental. 

O pedido de indenização inicial é de 750 libras esterlinas, cerca de R$3,7 mil para cada usuário afetado, totalizando um montante de 3,3 bilhões de libras para os cofres da Google, ou R$16,4 bilhões. Os representantes da parte afetada esperam que a empresa seja responsabilizada a indenizar cada usuário com no mínimo 500 libras, totalizando um prejuízo de R$ 11 bilhões, superando em dois milhões a multa recebida pela Google no ano passado relacionada a práticas anticompetitivas na Europa. 

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *