Insira sua pesquisa e pressione ENTER

40% das empresas não têm política de cibersegurança

Atualmente, cerca de 40% das empresas brasileiras não têm políticas de cibersegurança estabelecidas, segundo uma pesquisa realizada pela Kaspersky, empresa global de cibersegurança, em parceria com a CORPA, organização internacional de pesquisa. Nesse cenário, apenas 45% das organizações brasileiras já implementaram regras para essa área, enquanto 15%, apesar de já as terem, não obrigam os profissionais a cumpri-las.

De acordo com Roberto Rebouças, gerente-executivo da Kaspersky no Brasil, em entrevista para o portal especializado itforum365.com.br, essa informação não surpreende. “Somos um dos países com maior presença nas redes sociais e costumamos adotar as novidades sem nos preocupar com a segurança. Ainda confiamos nas ofertas imperdíveis e no ‘grátis’ – como quando chegamos em um bar ou restaurante e pedimos a senha do Wi-Fi. O destaque do estudo é a relação entre este comportamento e o risco para os negócios. E, considerando que as políticas de segurança não são bem difundidas para os funcionários, temos o cenário perfeito para golpes que resultarão em prejuízos para as empresas, principalmente as pequenas e médias. É essencial que elas ensinem os princípios básicos de cibersegurança para seus colaboradores”, comenta.

Sendo assim, a Kaspersky afirma que é preciso que a empresa oriente constantemente os funcionários para que eles não abram ou armazenem arquivos de e-mails ou links desconhecidos e lembre-os também sobre como tratar dados confidenciais. “A melhor maneira para evitar problemas com cibersegurança é uma boa prevenção, ou seja, garantir que a empresa tenha as soluções de segurança certa e configuradas corretamente, independentemente do seu tamanho”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *