Insira sua pesquisa e pressione ENTER

17% dos CEOs saem das grandes empresas em 3 anos

Uma pesquisa realizada pela consultoria Russell Reynolds Associates com dados das maiores companhias listadas em bolsa nos Estados Unidos, indicou que 17% dos CEOs das grandes empresas abandonam o cargo em até três anos. Sendo assim, a rotatividade de CEOs está alta no mundo e muitas empresas são pegas no contrapé, sem um plano de sucessão definido.

“É assustador ver que mais da metade das companhias globais não tem um processo estruturado de sucessão e transição para o cargo de CEO. Toda empresa precisa ter ao menos um plano de emergência para essa questão, ser capaz de apontar com velocidade quem será provavelmente o próximo líder”, disse Anthony Abbatiello, chefe global da área de liderança e sucessão da Russell Reynolds.

De acordo com a pesquisa, o tempo médio no cargo é de quase seis anos (5,9 anos). “A velocidade de saída dos novos CEOs tem sido maior, e num ambiente de retração econômica é preciso agir rápido. As lideranças se preocupam demais com o conselho de administração e os investidores institucionais, mas se esquece dos outros pontos de contato, como diretoria comercial e mesmo os clientes”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *